Circo Crescer e Viver é convidado para bate-papo online “Circo: risco e ludicidade”

TERÇA TEM :: IV Mostra de Curtas do Estúdio Escola de Animação
19 de fevereiro de 2021
Conheça os artistas selecionados para a Mostra Carioca Competitiva de Circo :: 2021
22 de fevereiro de 2021

19 | fevereiro | 2021

Em maio de 2020 o Circo Crescer e Viver acompanhou com muita preocupação divulgações e publicidades de artistas, grupos e organizações circenses oferecendo aulas/oficinas online de aparatos aéreos, especialmente de tecido.

Como membro da Federação Iberoamericana de Circo (FIC), a instituição publicou uma nota pontuando a unanimidade entre as escolas da Argentina, Chile, Colômbia, Peru, Brasil e Espanha que integram a FIC, no entendimento de que é difícil conhecer as condições exatas da arquitetura e engenharia de residências para a instalação de aparatos aéreos, ainda que não se possa duvidar dos conhecimentos e capacidades técnicas de artistas e organizações que estimulam este tipo de instalação, com o objetivo de oferecer aulas e oficinas online.

O Sesc Birigui, provocado pela inquietação quanto à abordagem da linguagem de circo em sua programação durante a pandemia – visto que o elemento chave que diferencia o circo das demais artes, o risco, era uma das grandes preocupações ao incentivar a prática – acessou a advertência pública em nosso site. Na sequência fomos convidados para uma conversa quanto aos riscos inerentes a esta prática e a importância de buscar alternativas seguras para manter o corpo ativo e condicionado em meio às condições impostas pela pandemia e pelo isolamento social.

Data:

Dia 20 de fevereiro de 2021

Horário:

às 15 horas

Acesso:

Canal de Youtube do Sesc Birigui

Participantes do bate-papo:
  • Alexandre Sanctus – Coordenador pedagógico do Circo Crescer e Viver
  • Mavi Rodrigues – Aluna do nosso Programa de Circo Social
Mediadora:
  • Amanda Silva – Técnica de programação do Sesc Birigui