DIÁLOGOS URBANOS :: 19 de março, às 18h

ROCK BOLA – o show :: 02 de abril, às 19h
1 de fevereiro de 2020
Convocatória para jovens artistas e performers circenses
8 de fevereiro de 2020

“O papel do Rio de Janeiro na formação da cultura nacional e a sua importâncias para os principais debates globais sobre modernidade e práticas urbanas”

Este é o teor do conversa que vamos ter com Bruno Carvalho, jovem carioca de 38 anos, professor titular de língua portuguesa e estudos afro-americanos de Harvard University, onde estuda as relações entre urbanização, cultura e modernidade, no primeiro encontro dos Diálogos Urbanos – Rio 2020, no Circo Crescer e Viver, com mediação de Miguel Jost, pós doutorando em estética e território, e pesquisador do samba na Cidade Nova como um marco não canônico do modernismo brasileiro.

Em sua breve visita ao Rio de Janeiro, Bruno que também é co-diretor da  Harvard Mellon Urban Initiative, do  Brazil Studies Program and Arts@DRCLAS e professor afiliado do  Urban Planning and Design, Harvard Graduate School of Design vai lançar, em nosso picadeiro, o seu  livro “CIDADE POROSA – Dois séculos de história cultural do Rio de Janeiro”, pela editora Objetiva, do Grupo Companhia das Letras.

A obra trata de uma visão original do Rio de Janeiro, destaca os encontros, convívios e trocas de saber que ajudaram a gerar as culturas do samba e do Carnaval. Trata também da larga história dos processos de urbanização da cidade e suas pluralidades culturais.

(clique aqui para saber mais sobre o livro)

 

:: Serviço ::

QUI | 19 MAR | 18h

O Rio de Janeiro na formação da cultura nacional e sua importância nos debates globais sobre modernidade e práticas urbanas.

>> Bate-papo com BRUNO CARVALHO

>> Lançamento do livro “CIDADE POROSA: Dois séculos de história cultural no Rio de Janeiro”.

>> Roda de samba acústica com Pede Teresa

:: Entrada franca ::

:: Parcerias institucionais ::