Justiça Federal do Rio de Janeiro está no combate à fome.

Circo Crescer e Viver no 3° Circoloquio da Federação Iberoamericana de Circo
22 de abril de 2021
Conheça os campeões da Mostra Carioca Competitiva de Circo :: 2021
28 de abril de 2021

28| abril | 2021

Não é de hoje que a Justiça Federal do Rio de Janeiro atua lado a lado da sociedade civil para a promoção de ações culturais, assistenciais e socioeducativas. Um importante marco nesse sentido foi a criação do programa Justiça, Atitude e Conhecimento, há mais de 2 anos, visando especificamente o fortalecimento dessas iniciativas. O apoio acontece não só através da captação de doações, mas também com toda a execução logística, que só acaba quando chega às mãos de quem precisa.

 

Com o início da pandemia, os servidores e magistrados passaram a trabalhar em casa, mas isso não desmobilizou o movimento. O apoio agora é dado através de doações em dinheiro para instituições de confiança.

 

É com muita alegria, que o Circo Crescer e Viver passou a integrar esta corrente do bem. Até o dia 05 de maio, o Núcleo de Comunicação da JFRJ estará direcionando seus esforços para divulgar e captar doações para a campanha Nosso Território Protegido da Covid-19. A coordenadora, Iris de Faria nos conta um pouco sobre essa mobilização: “As pessoas ficam felizes de poder participar, confiam e nós temos o cuidado de escolher grupos com credibilidade.” Ela relata que, na escolha das organizações, o principal critério é a transparência nos processos.

 

Esse critério aponta para algo fundamental quando estabelecemos parcerias, o encontro de valores. Desde o início das ações, o Circo Crescer e Viver se dedica a uma execução transparente. No início de abril, lançamos uma nova ferramenta nesse sentido, o painel de prestação de contas em tempo real. Alex Barreto, diretor financeiro, está muito atento à nossa inteligência de dados e se responsabiliza pelo monitoramento do painel. “Criamos ferramentas para demonstrar (em tempo real) toda execução financeira do projeto: doações e aquisição dos cartões alimentação. Diariamente nós atualizamos essa prestação de contas em tempo real através de demonstração financeira (Dashboard), fotos, vídeos e relatórios.

 

 

Esse valor também é aplicado na relação com nossos vizinhos. A fome é uma realidade no território e, infelizmente, a ajuda ainda não consegue chegar para todos. É necessário que os critérios usados na escolha dos beneficiários que serão atendidos com prioridade estejam claros. “Estamos no trabalho incansável de atualizar nossa base cadastral de quase 3000 famílias e com o recrudescimento dos recursos poder atingir famílias com renda per capta de até 500 reais. Apoiando e conhecendo mais de perto a realidade de famílias em extrema pobreza, pobreza e baixa renda da Cidade Nova, Estácio e Complexo de São Carlos.” Relata Fabyane Soares, assistente social do Circo Crescer e Viver. Ela é a responsável por coordenar todo o trabalho de apoio sociofamiliar e cuidado desenvolvido com nossos vizinhos.

 

Em 2020, atendemos aproximadamente 3 mil famílias. Todas receberam cartões alimentação e participaram da formação do perfil socioterritorial. Com as informações coletadas, conseguimos atuar com georreferenciamento, e fazer contato direto através de buscas ativas. Isso nos possibilita a execução de uma logística com atendimentos em horários agendados, impedindo aglomerações e facilitando a aplicação do protocolo de prevenção à covid-19. Além de nos fornecer as informações necessárias para a construção de projetos que atuem precisamente nos verdadeiros desafios do território.

 

O Circo Crescer e Viver está vibrante com essa nova parceria. Agradecemos profundamente a Justiça Federal do Rio de Janeiro. Sejam bem-vindos à nossa corrente do bem.

Faça você também parte desse movimento!

Doe: benfeitoria.com/NossoTerritorioProtegido